Bafômetro no Café da Manhã? Confira os pães alcoólicos!

Um estudo recente da Associação Brasileira de Defesa do Consumidor, conhecida como Proteste, revelou que diversas marcas populares de pão de forma comercializadas no Brasil possuem altos níveis de álcool. Em três dessas marcas, a quantidade de álcool poderia resultar em um flagrante de embriaguez em testes de bafômetro para motoristas.

A pesquisa analisou o teor alcoólico de dez marcas de pão de forma vendidas em supermercados. As marcas analisadas foram: Pulmann, Visconti, Bauducco, Wickbold 5 zeros, Wickbold sem glúten, Wickbold leve, Panco, Seven Boys, Wickbold e Plusvita.

Resultados da Pesquisa

Os resultados mostraram que seis das marcas analisadas seriam alimentos alcoólicos se houvesse tal categoria. A marca Visconti, por exemplo, apresentou uma porcentagem de álcool de 3,37%, enquanto a Bauducco registrou 1,17%.

MarcaQuantidade de Álcool (%)
Bauducco1,17
Visconti3,37
Panco0,51
Plus Vita0,16
Seven Boys0,50
Wickbold 5 zeros0,89
Wickbold Leve0,52
Wickbold SG0,66
Wickbold0,35
Pulmann0,05

Processo de Fermentação e Conservação

O processo de fermentação do pão, que faz com que ele cresça, naturalmente produz álcool. Contudo, a maior parte desse álcool deveria evaporar durante a assadura. A Proteste aponta que os níveis elevados de álcool encontrados estão relacionados ao uso de antimofo diluído em álcool para conservar os produtos, já que cerca de 10% da produção de pães no Brasil é perdida devido ao mofo.

Riscos para Motoristas

Pela legislação brasileira, um teste de bafômetro não pode exceder 0,04 mg/l. De 0,05 mg/l a 0,33 mg/l a infração é gravíssima e acima disso é crime de trânsito. A Proteste simulou o risco de um motorista ultrapassar o limite no teste após consumir duas fatias de pão, e três marcas representaram risco:

MarcaÁlcool em Porção de Duas Fatias (mg)
Visconti1,69
Bauducco0,59
Wickbold 5 zeros0,45

Alerta ao Consumidor

Além disso, a Proteste alerta que esses pães chegam ao consumidor com teor alcoólico significativo, sem qualquer aviso nas embalagens, isso pode ser particularmente preocupante para crianças e gestantes, que acabam consumindo álcool sem saber.