Bolsa Família: Caixa paga beneficiários com NIS final 6

A Caixa Econômica Federal pagou a parcela de junho do novo Bolsa Família aos beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS) de final 6 nesta segunda-feira (24). Com o novo adicional, o valor médio do benefício subiu para R$ 683,75, com o valor mínimo sendo R$ 600. O programa alcançará 20,84 milhões de famílias, com um gasto total de R$ 14,23 bilhões.

A Caixa Econômica Federal paga três adicionais: o Benefício Variável Familiar Nutriz, com seis parcelas de R$ 50 a mães de bebês de até seis meses; um acréscimo de R$ 50 a famílias com gestantes e filhos de 7 a 18 anos; e outro de R$ 150 a famílias com crianças de até 6 anos.

Os beneficiários podem consultar informações sobre as datas de pagamento, valor do benefício e composição das parcelas no aplicativo Caixa Tem. Desde este ano, os beneficiários não têm mais o desconto do Seguro Defeso, conforme a Lei 14.601/2023, que resgatou o Programa Bolsa Família.

Cadastro e Regra de Proteção

Desde julho do ano passado, o Bolsa Família integra dados com o Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS). Este mês, cerca de 170 mil famílias foram canceladas do programa por terem renda acima das regras estabelecidas, enquanto outras 200 mil foram incluídas. Além disso, 2,58 milhões de famílias estão na regra de proteção, recebendo 50% do benefício por até dois anos se conseguirem emprego e aumentarem a renda.

Nesta segunda-feira, as famílias com NIS final 6 no CadÚnico receberão o Auxílio Gás de R$ 102. O programa beneficia cerca de 5,8 milhões de famílias até o fim de 2026.